Buscar

IGCP ganha Prêmio Marco Maciel com Case da RGB


Foto: Da esquerda para direita - Cintia Caroline ( gerente de operações da RGB); Sérgio Reis (coordenador de projetos do IGCP); João Benício (presidente do Conselho Fiscal); Cintia Lima (assessora de imprensa do IGCP e RGB), Izabela Colleres (conselheira Fiscal do IGCP); Ivonice Campos (coordenadora do Comitê de Governança para o Desenvolvimento Social e Humano da RGB); Hércules dos Anjos (assessoria de comunicação do IGCP) e Petrus Elesbão (presidente da RGB)


Na noite da última terça-feira (20.09), o Instituto Latino-Americano de Governança e Compliance Público (IGCP) foi o ganhador do Prêmio Marco Maciel 2022, concedido pela Associação Brasileira de Relações Institucionais e Governamentais (Abrig), na categoria “ESG e Compliance em RIG”, com o Case da Rede Governança Brasil (RGB), na cerimonia realizada no Villa Rizza Buffet & Espaço de Evento, em Brasília.


O evento, transmitido ao vivo pelo canal YouTube da Abrig, contou com a presença dos finalistas e autoridades.


A edição 2022 inovou com a categoria “ESG e Compliance em RIG”, uma das mais concorridas do prêmio, que tem como objetivo reconhecer instituições públicas e privadas que adotem ações, programas e projetos de ESG (ambientais, sociais e de governança), para promover a melhoria das condições socio-ambientais do planeta, colaboradores e stakeholders, com a implementação de processos de governança e compliance adequados.


Para a conselheira fiscal do IGCP e uma das coautoras do case, Izabela Collares, o instituto segue no caminho certo, colhendo excelentes frutos das ações voltadas para a temática da governança. “As empresas que se preocupam com ESG possuem uma porcentagem, entre 3 a 19%, de mais eficiência e lucros. Então, por que não cuidarmos da nossa governança?”, questionou Collares informando os dados do Boston Consulting Group (BCG).


Segundo Collares, o ESG é um tema de extrema relevância que impulsiona o país a buscar maior eficiência e eficácia por meio dos melhores resultados garantindo o desenvolvimento sustentável.


“A RGB fica muito feliz, mesmo sendo uma associação nova, por estar participando de um prêmio dessa magnitude como o Marco Maciel. Aproveito para agradecer a todos os voluntários da Rede, porque, de certa forma, todos contribuíram para que a RGB estivesse inserida nesse programa...e agradecer essa parceria com IGCP… Que venham mais prêmios e trabalhos!”, comemorou o presidente da RGB, Petrus Elesbão.


“O Prêmio Marco Maciel representa todos os pilares da governança que a RGB preconiza: ética, diálogo, transparência e responsabilidade social por excelência.”, afirmou a coordenadora do Comitê de Governança para o Desenvolvimento Social e Humano da RGB, Ivonice Campos.


A presidente da Abrig, Carolina Venuto, comemorou a edição presencial do Premio Marco Maciel. “Precisamos desse calor e olhar. Este ano a Abrig completa de 15 anos, um marco para a nossa entidade que está amadurecendo...estamos muito felizes com essa edição presencial no ano do aniversário”, comentou.


E reforçou sobre a importância da categoria ‘ESG e Compliance em RIG’, que, segundo ela, é a pauta do momento. “Ouvimos muito falar de ESG na parte de sustentabilidade, mas ele é fundamental nas relações institucionais e governamentais, precisamos atuar com governança”.


Além da nova categoria ESG e Compliance em RIG, no qual o IGCP foi o grande vencedor, o evento contou também com categorias: RIG em Organização Pública; RIG em Organização Privada ou Mista; RIG na Sociedade Civil Organizada; Jornalismo sobre Atividade de RIG; Protagonismo Feminino e Instituições de Ensino em RIG.

A missão da Edição 2022 do Prêmio Marco Maciel (PMM) foi de reconhecer e divulgar as melhores práticas realizadas pelas organizações e instituições, através de seus profissionais de RIG, que atuarem segundo os princípios da Abrig: Ética, Transparência, e Diálogo, bem como Responsabilidade Social.




Foto: Prêmio

Case da RGB


As autoras Cintia Lima, Cristiane Nardes e Izabela Collares construíram o Case da RGB pautados nos valores do IGCP, que tem a visão de um país onde a governança seja executada de forma íntegra, ética, transparente e com foco na entrega de valor à sociedade, tornando o país competitivo, promovendo o desenvolvimento econômico e socioambiental.


A entidade tem como principal projeto social a Rede Governança Brasil (RGB), que reúne um time de 400 voluntários empenhados em disseminar as boas práticas de governança, dando maior velocidade e adesão à tese no Brasil e América Latina.

No case da RGB, o maior destaque são para ações sociais voltadas para governança. Uma das ações envolve o Programa de Mentoria para Prefeituras Brasileiras, que iniciou suas atividades em 2021.


A Mentoria é um processo de aceleração de carreira conduzido por um profissional mais experiente na área de atuação. Ele é destinado a prefeituras previamente selecionadas, na busca de promover as boas práticas da governança, tendo como base a Cartilha Pública Municipal – Transformando sua Administração, lançada em 2020 pela RGB em parceria com a Confederação Nacional de Municípios (CNM), Escola Nacional de Administração Pública (ENAP), Instituto Latino- Americano de Governança e Compliance Público (IGCP) e Tribunal de Contas do Mato Grosso do Sul (TCEMS).


Até o momento, cerca de 28 municípios, divididos em seis turmas, já concluíram o processo com foco em Governança Pública, e estão desenvolvendo suas atividades nos temasda Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD), Gestão de Riscos, Compliance e ESG Público (em fase de preparação dos mentores).


Acesse o Case da RGB na íntegra: https://drive.google.com/file/d/1Slm7LjBQLFf5VKNePnWbuYtnZ79QvFRr/view?usp=sharing


Quer saber mais sobre IGCP, acesse o nosso site:

https://igcp.org.br/





Assessoria de imprensa do IGCP