Buscar

Membros da RGB destacam Programa de Mentoria para Prefeitos no 37º Congresso Mineiro de Municípios

Atualizado: 30 de set.


Foto: 37º Congresso Mineiro de Municípios


Em parceria com a Rede de Governança Brasil (RGB), Instituto Latino-Americano de Governança e Compliance Público (IGCP), Tribunal de Contas da União (TCU) e o Tribunal de Contas do Estado (TCEMG), a Associação Mineira de Municípios (AMM) promoveu o IV Seminário de Governança Pública Municipal – Transformando sua Administração, durante o 37° Congresso Mineiro de Municípios, entre os dias 1º e 2 de junho, em Belo Horizonte.


O encontro teve como objetivo disseminar as melhores práticas em liderança, estratégia e controle e os princípios da governança pública, com base no Decreto nº 9.203/2017, que serviu para nortear as palestras dos participantes.


O diretor administrativo -financeiro da RGB, Henrique Farinon, ressaltou a importância da Rede levar a tese da governança para os municípios brasileiros. Para ele, o Programa de Mentoria para Prefeituras é um sucesso e a região de Minas Gerais tem um papel de destaque ao longo do projeto. “Certamente depois desse congresso vai aumentar ainda mais a participação dos municípios mineiros nas atividades da RGB”, disse.


“Nós do Instituto Latino-Americano de Governança e Compliance Público estamos muitos felizes de estarmos aqui presente e entregando 4 bolsas de MBA, de 420 horas de capacitação. Quem tem ou ganhou essa bolsa hoje vai ter um grande privilégio de se capacitar nas questões de governança e desenvolvimento, que é foco do congresso”, revelou o presidente IGCP, Ricardo Todeschini.


Além das quatro bolsas para o programa Lidera BrasilMBA em Governança e Liderança, o IGCP também sorteou quatro para o curso em EAD do Programa de Governança Municipal com 42 horas de duração. A cidade de Carmo do Cajuru (MG) foi um das comtempladas com as duas bolsas.


Palestras e Talkshows


Com a palestra “Governança Pública Municipal – Transformando sua Administração”, o embaixador da RGB e ministro do TCU, Augusto Nardes, detalhou o processo de governança no país, auditorias nas universidades, importâncias dos centros de governos, Programa de Mentoria da RGB, entre outros assuntos.


De acordo com o ministro, o gestor público precisa exercer a liderança por meio das ferramentas de direcionamento e controle. “Quem toma a decisão direciona, mas para direcionar tem que avaliar e monitorar, e para ter isso precisa de toda uma estrutura ao seu entorno”, analisou.


Ele disse que os gestores devem trabalhar de forma sincronizada para pensar no conjunto da comunidade. “A governança é, acima de tudo, prestar contas para a sociedade, quem está acima da governança é a sociedade. São seus eleitores e os habitantes daquela comunidade”, comentou.


Já a coordenadora do Comitê de Governança na Prática e mentora do Programa de Mentoria para Prefeituras da RGB, Luana Lourenço, apresentou o projeto e o que ele pode ajudar nos municípios brasileiros, além do Código de Boas Práticas em Governança Pública. “A partir do momento que você desenvolve o potencial das pessoas conseguimos os melhores desempenhos financeiros na sua organização, e essa é a proposta que trazemos por meio do Código”, disse Lourenço.


No contexto do Programa de Mentoria, a coordenadora ressaltou que o projeto é um processo de aceleração. “O que levaríamos num processo de MBA por volta de dois anos para poder desenvolver, fazemos isso em dois meses e meio. Acelera-se, tornar-se um profissional mais experiente. A principal transformação é na cabeça do líder”, analisou.


Logo após a apresentação da mentora, aconteceu o primeiro Talkshow – A implantação da governança Pública em Itaobim e Capitólio, que foi mediado pela coordenadora do Grupo Mentoria e do Comitê de Capacitação da RGB, Cristiane Nardes, e contou com a participação de Flávia Canedo e Luana Lourenço, e representantes dos municípios mineiros.


“É no município que a política pública acontece e sabemos das dificuldades que vocês passam”, afirmou a coordenadora do programa. Ela acrescentou que “quem trabalha com governança precisa comprar uma briga, porque você vai ser ético, correto e transparente e nem todos querem isso”.


A coordenadora do Comitê de Governança na Prática e umas das co-autoras do Código de Boas Práticas em Governança Pública da RGB, Flávia Cânedo, disse que quando se atua diretamente nas três esferas são vivenciadas as dificuldades do dia a dia. “Eu acredito, assim como minhas colegas e embaixador Augusto Nardes, que a governança de fato pode modificar o nosso país”.


Já o segundo Talkshow, que tratou da implantação da governança Pública em Ouro Branco e Diamantina, foi conduzido pelo presidente do Conselho Nacional de Controle lnterno (Conaci), Controlador-Geral de Minas Gerais e membro voluntário da RGB, Rodrigo Fontenelle, e as mentoras da RGB.



O evento terá transmissão no canal do YouTube da AMM.



Assessoria de imprensa da RGB